Parque Estadual Vassununga e o maior jequitibá rosa!

Ontém no final da tarde fui convidado pelos amigos Mário B (veja fotos) e Bred P. (veja fotos) para uma esticada até Santa Rita do Passa Quatro para conhecer o maior jequitibá rosa do Brasil. Convite aceito e horário combinado lá fomos nós para essa saidinha rápida, no caminho muito trânsito…

Sobre o Vassununga…

O Parque Estadual Vassununga localiza-se no município de Santa Rita do Passa Quatro, no estado de São Paulo, Brasil.

Possui uma área total de 2.071 hectares. Os decretos estaduais 52.546, de 26 de outubro de 1970, e 52.720, de 12 de março de 1971 criaram o parque.

A área do parque está fragmentada, o que faz com que sofra ameaças pelo cultivo do entorno com cana-de-açucar, eucalipto e pecuária.

Os principais ecossistemas encontrados são Cerrado e Mata Atlântica. Famoso por seus jequitibás-rosa, o parque é conhecido por abrigar o que talvez seja a árvore mais velha do Brasil. Alguns pesquisadores afirmam que sua idade pode passar de 500 anos ou atingir até 3000 anos, sua copa atinge os 49 metros, seu diâmetro 11 metros, sendo necessário 12 homens para abraçá-lo.

Abriga um grande número de espécies de mamíferos e aves de ambos ecossistemas, como papagaio-verdadeiro, juriti-vermelho, pica-pau, bem-te-vi, onça parda, lobo-guará, cotias, pacas, macaco-prego, capivaras, e outros.

Fonte: Wikipedia

 

O passeio!

Conhecer o tal jequitibá rosa era um dos atuais objetivos fotográficos do Mário e do Bred, eu já tinha estado lá por algumas vezes para fotografar algumas espécies da fauna, o que não me deixou menos animado para rever tal árvore.

Chegamos por volta das 9h 40 no parque e logo fomos arrumando a “tralha” para pegar a trilha de pouco mais de 1.200 metros até o grande jequitibá.

Logo no começo da trilha fiquei para trás, parei para observar algumas aves que se escondiam na mata da trilha e gravar alguns cantos, claramente pude ver alguns canários-do-mato, tico-tico-de-bico-amarelo e outros que não consegui identificar. Pra minha surpresa, os macacos-prego resolveram aparecer, fiquei por mais de 30 minutos observando o bando que se alimentava na copa das árvores.

Quando cheguei no local do jequitibá me deparei com a cena abaixo, um grande homem frente a uma gigantesca árvore!

Realmente é impressionte! É preciso 12 homens para abraçar essa que pode ser uma das árvores mais velha do Brasil. Enquanto o amigo Mário realizava suas fotos frente a gigantesca árvore o Bred passava por alguns monmetos de reflexão, sentado a sobra da enorme árvore…

E não é pra menos, estar frente a uma árvore com mais de 500 anos é realmente emocionante. Abaixo deixo uma foto que fiz tentando registrar a grandiosidade desse jequitibá rosa (no Flickr do Mário tem mais)

Frente aos  seus  mais de 40 metros de altura e 10 metros de diâmetro temos a real noção do quanto o somos pequenos e insignifcantes, talves tenha sido essa conclusão que o Bred chegou nos seus minutos de reflexão e resolveu tomar uma postura mais condizente com a situação, fazendo alusões a BUDA…

Enquanto o BRED vivia seu momento “zen”,  notei que o Mário checava suas fotos, afinal, era um dia especial frente a uma árvore histórica com céu azul e clima agradável não era pra menos…

Fotos checadas, tudo certo chegou a hora de retornamos. Pouco mais de 2h no parque, o que foi suficiente pra fotografar o jequitibá rosa e ainda poder avistar algumas espécies da fauna e flora local. Quando retornavamos nos deparamos com um cena interessante, uma pequena lagarta pendurada por um fio, seria esse o fio da sua vida? Mais fotos…

Realmente não sei dizer se é  lagarta que esta com a vida por um fio, ou se é a vida (de forma geral) que esta por um fio! Respirar ar puro, contato direto com a natureza, contemplar várias espécies da fauna e flora, entre elas o enorme jequitibá rosa é algo maravilhoso.

Em pleno feriado, ao conversarmos com o guarda do parque na saída, ele nos disse que o movimento de visitantes é muito baixo, e mesmo sendo feriado apenas 2 carros no estacionamento do parque.

O que fica claro com toda essa brincadeira que fiz com as fotos dessa saída é que devemos observar e valorizar mais a natureza.

Mais fotos!

Mário C. Bucci –> http://www.flickr.com/photos/mariocbucci/sets/72157626423046933/

Bred Pacheco –> http://www.flickr.com/photos/bred_pacheco/sets/72157626422708733/

Abraços e até a próxima.

12 Comments:

  1. esse jequitiba-rosa è gigante

  2. Nós aqui em João Neiva temos um Jequitibá-Rosa que tem 11,84m de circunferência e uns 45 a 50 metros de altura. Acreditamos ser o maior do Brasil pelas medições realizadas até agora. Essa disputa de qual é o maior é muito saudável, pois além de mostrar a nossa rica natureza, ajuda a preservá-los e reconhecer sua vital importância.

  3. Este lugar é mágico. Sou filho de Santa Rita do Passa Quatro e o Parque Estadual de Vassununga é meu lugar preferido. Pela natureza, pela mística e pela grandeza e ternura da criação expressa lá.
    O Jequitiba Rosa faz parte da minha vida. Dipensa palavras, pois só o silêncio humano é capaz de falar do sentimento de quem teve a opotunidade de estar sobre a sombra do gigante!
    Orgulhosamente: Sou filho da mesma terra do Jequitiba!

  4. e adoro a arvore do jequitiba

  5. eu sou fa do bra sil ani mado e queria que fize si outro continuado por favor

  6. ola meu nome é matheus eu gosto muito de ver filmizinhos e um dia estava olhando o brasil animado
    e o filme fala sobre o grane jequitibá rosa que fica em santa rita do passa quatro e eu procurei no mapa e não achei santa rita do passa quatro então já que é no interior de são paulo eu achei que não mostrava no mapa e nunca tive tempo de pesquisar na net até que hoje 17/08/2011 procurei e realizei e quando eu for maior vou morar aí e falarei que fui eu que escrevi ass: matheus de rio grande do sul em são josé do norte

  7. Pois é Tiago! Quando qualquer coisa é feito com amor sai assim, desta forma que vc fez.

    Sua descrição sobre nossa incursão fotográfica ficou espetacular, porque além de sua técnica aprimorada seja como fotografo seja como escritor teve uma dose extra de AMOR. Isso somente acontece quando estamos e somos COMPLETOS ja que perfeito não podemos ser até porque o Ser perfeito se tornaria burro pois acreditaria que nada mais precisa aprender. O Ser completo não é perfeito mas sua alma está onde seu corpo estiver.

    abraços e nunca aceita nada menor que isso……….

    Mario

  8. Convidar nada né????
    Belas fotos, e o lugar, maravilhoso…

  9. tiago ,lindas as fotos , como sempre .

    como somos pequeninos na imensidao da Natureza !!!!

  10. Muito legal! valeu cada minuto e vale lembrar que é muito próximo de nós (100Km) vale uma esticada! e captar toda aquela energia e vida em plena harmonia! Abraço – Juizoooo

  11. sao 3 da manha e eu aqui vendo fotos…Tiago…vejo q vc e a natureza sao bons amigos…sinto que vc se dá muito bem nesse terreno. Suas fotos ja possuem maturidade e beleza que emocionam. A forma com que vc escreve tb é bem legal…gosto d ler os textos valeu gostei d tudo..parabéns…

Deixe um comentário, ficaremos felizes em saber o que achou!