Passarinhada em Iracemápolis com o GRIFOO

Boa tarde pessoal. Hoje o assunto é passarinhada.

Meu dia vai ser longo, mas não poderia ser melhor ao começar guiando pela matas da região de Iracemápolis-SP juntamente com o Dinan os amigos Pompeo e o seu filho Arthur de Americana-SP, e mais tarde o veterinário Eduardo de Limeira-SP, que passou por lá para dar um oi e ficou poucos minutos.

O resultado não poderia ser melhor, durante o papo pós-saída contabilizamos 37 espécies, vou tentar listar as que eu lembro:

Choca-da-mata*
Canário-do-mato**
Soldadinho (o Rodrigo, depois apareceram vários outros pra bater na coruja)
Chupa-Dente
Neinei
Pombão / Asa Branca
Beija-flor-preto
Gavião-caramujeiro
Corujinha-do-mato
Picapauzinho-anão-barrado
Encontro **
Pato-selvagem **
Pica-pau-do-campo
Frango-da-água-comum
Frango-da-água-azul
Mergulhão **
Martim-pescador-grande **
Cabeça-seca
Colhereiro
Garibaldi **
Freirinha **
Carão **
Savacu **
Garça-Moura
Jaçanã / Cafezinho
Anú-Branco **
Ferreirinho-relógio
Maria-Faceira
Asa-Branca
Quero-Quero
Quiriquiri **
Falcão-de-Coleira
Primavera **

* vocalizações sem foto.
** avistamento sem foto (porque ninguém fotografou?)

Foi uma saída muito produtiva.

Chegamo na mata por volta das 8h 30 tendo como primeiro objetivo ver o SOLDADINHO. O Pompeu nem acreditou, pois eu disse: “Pompeo, 1 playback e ele senta na cabeça…”, e não deu outra, lá estava o Rodrigo, digo o Soldadinho, sentado bem na nossa frente e como o próprio Pompeu  disse pra mim, fazendo pose, penteando as penas e etc..

Pegamos a trilha e continuamos avistando espécies até que o Dú (Eduardo) mandou mensagem para saber onde estavamos e falei com ele pelo telefone, instruindo que viesse em nossa direção, então fui pra beira da mata esperar ele, nesse meio tempo fiz alguns playbacks da corujinha-do-mato esperando que ela revelasse o ponto em que estava,  nesse momento o ARTHUR assumiu o playback, pois eu estava saindo da mata e indo esperar o DÚ, eis quem aparece? A corujinha-do-mato.

Quando a corujinha-do-mato apareceu, os SOLDADINHOS pareciam pardal… talvez até fazendo jús ao nome de soldado! Os bichos enlouqueceram, beija-flor aos montes, pica-pauzinho bicando a “bunda” da coruja, bem-te-vi, encontro! Todos ao redor da coruja afim de azucrinar a vida dela, literalmente uma FESTA NA FLORESTA de tanto barulho!

 No final uma passarinhada agradável e produtiva, sem sacrificios com o meus amigos DINAN, ARTHUR, POMEPO e o que só apareceu pra dar um “oi” e foi embora felizão de ver a FESTA NA FLORESTA!

Uma observação muito importante do meu amigo DINAN foi sobre o Arthur, filho do Pompeo, que apesar de ter apenas os seus 14 anos não ouvimos ele falar sequer de vídeo game, MSN, Orkut, e essas coisas, muito menos pedir pra ir embora! O papo dele é sobre Corujinha-sapo, sucuris, Bonito, Patagônia…  Ficamos orgulhosos!

As fotos vão estar disponíveis em breve!

Tiago R.
fotógrafo – equipe EF.

Um Comentário:

  1. Foi realmente muito bom estarmos juntos com vcs neste dia.Quanto ao Arthur, imagine o Orgulho que é para mim, ter a companhia de meu filho nestas aventuras.
    Valeu e abraço.
    Pompeo

Deixe um comentário, ficaremos felizes em saber o que achou!