Distância focal das objetivas

Recebemos um e-mail através de um leitor, Pedro Paulo Costa, no qual nos pede auxílio no entendimento de algumas questões ligadas a distância focal e ampliação das objetivas. Aproveitamos a dúvida do leitor para criar este post, já que essa dúvida é frequente entre muitos fotógrafos iniciantes e avançados.

De: Pedro Paulo Costa

Ainda que tenha lido bastante sobre o assunto, ainda não entendi um aspecto sobre as lentes, e por isto recorro a este profissional. A questão é a seguinte: se tenho uma lente 20mm-100mm, por exemplo,  afirmam os especialistas que o aumento da imagem é 100/20 ou 5 vezes. Contudo se a visão humana é de 50mm o correto não seria um aumento REAL de 100/50 ou 2 vezes ?  O mesmo se aplicaria para uma lente 100mm-200mm, que seria de 200/50 ou 4x e não duas.  Haveria, a meu ver, uma diferença entre os conceitos de variação na distancia focal e zoom real. Sou inciante. Obrigado pela atenção.

Respondendo as dúvidas do leitor Pedro esclarecendo que ele esta com a linha de raciocínio correta. Muitos “especialistas” cometem este erro referindo-se à distância focal ou a variação do zoom como fator único de ampliação, o que não é totalmente verdade embora exista sim uma relação entre distância de foco e ampliação.

 

A confusão toda se intensifica com a palavra zoom – designada pela “x” – que significa o mesmo que dizer “quantas vezes ocorre variação”.

  • Distância Focal (mm) → é a distância referida em milímetros do ponto nodal  (N) onde a luz se converge (se direciona) até o ponto onde a imagem é formada, no plano do sensor ou do filme, chamado de plano focal (F), e quanto maior essa distância em milímetros maior é aproximação dada na imagem, dando impressão de ampliação.
  • Zoom (x) →  é a relação de variação de uma objetiva entre suas distâncias focais máxima e miníma, divide-se o máximo pelo mínimo e obtém o zoom, ou seja, a variação em “vezes”. O zoom é uma unidade relativa de variação, não valor de grandeza pois 10x de zoom pode ser 1mm~10mm ou mesmo 50mm~500mm, ambos tem 10x de variação, por isso é uma unidade relativa. Então o zoom em “X” (vezes) não tem absolutamente nenhuma relação com a ampliação real.
  • Ampliação (em relação aos olhos) → a visão humana é equivalente aproximadamente  50mm~55mm quando consideramos o padrão das câmeras 35mm, para médio ou grande formato essa proporção muda. Ao dividir a distância focal da objetiva pela distância focal do olho humano teremos um valor aproximado do quanto equivale a ampliação de determinada objetiva em relação a sua distância focal, porém ainda existe a Ampliação óptica das objetivas macro, que é uma outra história, para um outro post.

Fica a dica!

Cuidado com os especialistas, o mercado esta cheio de aventureiros que deduzem informações  baseando-se no marketing não muito claro de algumas empresas ou mesmo pela falta de  conhecimento e estudos na área.

Toda essas explicações acima são superficiais, o funcionamento e a construção das objetivas envolve engenharia  e conhecimentos em física.

Abraços e até a próxima.
Equipe EF.

 

5 Comments:

  1. Leonardo Henrique Pagliosa Constanski

    Eu tenho uma dúvida já faz um tempo e queria ver se vocês poderiam me ajudar.
    Ao fazer um clouse de uma modelo com uma lente 50mm em 2.8 de abertura e realizar o mesmo enquadramento com uma 200mm também em 2.8 de abertura (me afastando do objeto para obter o mesmo enquadramento) eu obtenho diferenças significativas com relação a “área de foco, ou seja, onde o foco começa no objeto fotografado e onde termina. Na 50mm se eu fizer o foco na ponta do nariz, muito provavelmente que as orelhas já estejam um pouco (ou muito) fora de foco, enquanto que na 200mm eu tenho uma área de foco maior de onde começa e termina, tendo toda a cabeça da modelo em foco. Isso se dá a distância do fotografo para com o objeto fotografado, mas o que eu gostaria de entender é de como é feito este calculo?
    A 50 milímetros eu perco muita foto em função do curto espaço de foco quando trabalho com o diafragma muito aberto

    • Bom dia Leonardo.

      É isso mesmo! Você já tem a resposta na sua pergunta, quando você afasta do modelo ao utilizar 200mm, acaba ampliando a fatia do foco. A DOF (produnfidade de campo) é influenciada por três fatores:

      – Abertura, quanto maior mais desfoque!
      – Distância fotógrafo x assunto, quanto mais próximos mais desfoque!
      – Distância focal, quanto maior maior desfoque, ou seja, menor a fatia de foco. Aqui uma ressalva que no seu caso funcionou ao contrário pois você se afastou do assunto!

      Abraços e até breve.
      Equipe EF.

  2. Olá, Tiago
    Belo post !
    Estou procurando uma forma de explicar “distância focal” e vejo muita besteira por aí, mas teu post deu a linha correta.
    Minha dúvida fica assim: O ponto nodal de uma objetiva de vários elementos não teria que ser sempre “próximo” ao centro físico desta objetiva ?
    Pode ser sobre algum dos elementos finais, como no diagrama acima ?

    • Bom dia Carlos.

      Respondendo sua pergunta, o ponto nodal é sempre o primeiro elemento da objetiva (o mais distânte do plano do sensor), mas a sua dúvida se faz talvez pertinente pelo fato de teóricamente a distância focal (300mm por exemplo) ter que representar uma objetiva de 30cm fisicamente. Graças a engenharia e a combinação de vários elementos ópticos (discos de vidros) os fotógrafos podem comemorar, imagina só uma objetvia de 600mm com seus 60cm?

      O que acontece é que a combinação de elementos ópticos (discos de vidros) reduz o tamanho da objetiva, a exemplo do pequeno TC – teleconversor – que duplica a distância focal sem aumentar significativamente o tamanho da objetiva, isso por que tanto o TC quanto tele-objetivas utilizam elementos chamados de “negativos” , que ampliam a distância focal empurrando o ponto nodal para fora da objetiva, reduzindo o tamanho físico mas compromentendo a qualidade e a luminosidade.

      Abraços e obrigado pela visita.
      Tiago R.

  3. Fala Tiago.

    Belo post cara, esse certamente é um dos assuntos que sempre gera dúvida e é muito frequente alguém nos perguntar: “Quanto de zoom tem essa lente?”

    É isso aí

    Grande abraço

    Ale Sturion

Deixe um comentário, ficaremos felizes em saber o que achou!