Corujinha-do-Mato para o projeto Passarinhar

Sim, o projeto PASSARINHAR continua!

É verdade que em um ritímo mais lento, porém o projeto que teve inicio em 2010 continua existindo, um pouco mais devagar em função de outros compromissos de trabalho. O ano de 2011 foi praticamente voltado para organizar as fotos capturadas em 2010, mas ainda assim fiz umas cinco ou seis saídas a campo para fotografar onde pude registrar algumas espécies de aves, entre elas o Bacurau-Chintã e o Bacurau-Tesoura na companhia do amigo Emerson Kaseker.

Foi justamente numa dessas passarinhadas noturnas em que fotografei os bacuraus que ouvimos a bela corujinha-do-mato cantarolando em plena escuridão, mas sem dar as caras!

Agora em 2012,  na primeira passarinhada com o amigo Rafael Carneiro, queriamos tentar fotografar o mãe-da-lua, mas eis quem apareceu pra foto? A corujinha-do-mato (Megascops choliba)!!!

Na verdade, o meu amigo Rafael Carneiro fazia o player do mãe-da-lua, enquanto isso eu me distanciava fazendo o player da corujinha. Sem sucesso, resolvemos ir pra uma trilha no meio da mata, num loacal um pouco mais afastado e optamos por fazer apenas o player  da corujinha, uma vez que eu já tinha ouvido o canto dela no local, então ficamos insistindo por quase uma hora, até que ouvi a resposta!

Não demorou a corujinha sentou num galho bem na minha frente, a lua clara permitiu ver o vulto dela chegando com toda a delicadeza de um caçador noturno, então pedi pro Rafael iluminar ela e aí (…)

Com a foto da corujinha-do-mato garantida partimos atrás do mãe-da-lua fazendo o player pela trilha e já quase no final, quando saímos ouvi a resposta dele a menos de 3 metros de distância porém atrás de uma mata em meio a um brejo, não tinha a visão dele, mas ele respondia ao playback sem sair da posição. Tentamos contornar a mata para avistá-lo e provavelmente o barulho da folha seca e galhos quebrando afugentou o mãe-da-lua.

Durante as quase 4 horas que ficamos na mata vimos e fotografamos curigangos, bacuraus-chintã, corujinha-da-mata além de ouvir as capivaras e o mãe-da-lua.

Enfim, sabemos onde ele está, agora é questão de tempo!

Abraços e até a próxima.

Tiago R.
Fotógrafo EF

 

3 Comments:

  1. Beleza de foto em Tiago, domingo passado com o sol dando a cara novamente, resolvi dar uma pedalada, chegando a uma pequeno trecho alagado, tinha um bando de cabeça seca e dois colhereiros, tbem vi alguns bem-te-vis rajados na borda da mata da Iracema.

  2. Parabéns Tiago
    show de bola sua narrativa
    força no seu projeto

  3. Excelente foto e muito legal a narrativa desta nova etapa do projeto.Avante com esta grande idéia.
    Pompeo

Deixe um comentário, ficaremos felizes em saber o que achou!